Você, Escritor! - Como fazer um bom trabalho

domingo, fevereiro 21, 2016 7 Comentários A+ a-


No último post da coluna, Andriely deu algumas dicas de como tomar as primeiras iniciativas para começar a escrever um livro, com base nisso, decidi abordar a questão de como se escrever um bom livro.
Eu particularmente tive muitos problemas após publicar o meu primeiro livro, pois eu estava tão ansiosa para concluí-lo e publicá-lo logo, que acabei por notar só depois que eu não gostei nem um pouco do resultado. A maioria das pessoas que leram o meu livro acabaram gostando, mas sempre que eu o abro, eu posso ver os furos, as cenas malfeitas, os personagens pouco explorados e inúmeros defeitos. E então pode lhe surgir a pergunta: O que mudou agora para que você notasse os erros no seu livro? O que posso fazer para que o mesmo não aconteça comigo?

Dificilmente o seu primeiro livro vai ser tudo aquilo que você esperava. Posso garantir que são poucos os escritores que se dão bem logo com o primeiro livro. O meu autor preferido (Patrick Rothfuss), por exemplo, teve um enorme sucesso com sua primeira publicação, mas o primeiro livro que ele escreveu não foi esse que foi publicado e que faz sucesso, entende? É sempre necessário praticar muito. 

Agora que você tem isso em mente, de que a prática é fundamental, posso responder a primeira pergunta. O que me fez ver erros no meu livro, foi lendo outros. Sim, se você quer ser escritor, você vai ter que ler muito. Não estou dizendo que vai ter que ler sobre como escrever, estou dizendo que você vai ter que LER! Conhecer estilos de escrita diferentes, explorar todos os tipos de gêneros para ter pelo menos uma base do que você precisa fazer. Mas lembre-se sempre de ser original e de que cada escritor tem o seu estilo.

A segunda pergunta, será respondida em tópicos:

  • Leia livros da sua "área"
Vamos supor que você já sabe qual vai ser o gênero do seu livro e que você está disposto a entender mais sobre ele tendo como base livros daquele gênero que você gosta muito. Por exemplo, você decidiu escrever uma ficção científica e já tem em mente o enredo e tudo o mais, procure ler livros de ficção científica para você possa ficar ainda mais familiarizado com aquele gênero, tirar de letra e saber exatamente o que está fazendo.

  • Saiba como os bons escritores escrevem
Infelizmente, precisamos ter uma base para tudo na vida, inclusive para escrever e desenvolver um livro. Todo leitor/escritor tem seu escritor preferido, aquele que o agrada em todos os aspectos. O agrada tanto que ele já chegou a pensar "poxa, queria escrever como ele". Bom, você pode muito bem se basear em como esse escritor desenvolve os seus personagens, em como ele descreve suas cenas e em como ele faz suas narrativas, para criar a sua própria. Além disso, procurar ler as obras dos melhores autores no gênero que você escolheu para o seu livro é algo fundamental.

  • Procure dicas de escrita
Na internet existem inúmeras listas com inúmeros livros sobre escrita que você pode ler (um exemplo é essa aqui). Esses livros sempre acabam sendo úteis para quem sonha em ser escritor e até para quem já escreve e quer aperfeiçoar ainda mais essa habilidade.

  • Pratique
Trago como referência para esse tópico o jogo The Sims 3. Neste jogo, o personagem possui habilidades na culinária, mecânica, música, escrita, etc... E conforme ele pratica essa habilidade, ele vai subindo de nível nela. Então, se você não pensava na escrita dessa forma, passe a pensar a partir de agora, pois querendo ou não, a escrita é uma habilidade. Não importa se você nasceu com ela ou não, praticando muito você fará com que ela "suba de nível" mais e mais. Portanto, pratique escrevendo contos, pratique no próprio livro que você decidiu escrever agora, pratique do jeito que você quiser! Mas pratique.

  • Mostre para alguém o seu trabalho
Para ter uma garantia a mais de que você está indo bem, peça para alguém de confiança ler o que você escreve. Peça para essa pessoa a opinião sincera dela e, acredite, você vai conseguir evoluir muito dessa forma, pois você irá conhecer o que agrada e o que desagrada o seu leitor na sua escrita e nas suas estórias, fazendo com que você possa corrigir esses detalhes e deixar o seu livro muito bom.

E essas são as minhas dicas para fazer um bom trabalho ao escrever um livro! Se você é escritor e tem mais alguma dica, deixa aí nos comentários. Se você é um novo escritor e leu as dicas, comenta aí o que você achou!

Sara Muniz, dona do blog Interesses Sutis, sou apaixonada por ler, escrever e criar. Adoro música erudita, rock, pop, música francesa e de vez em quando até uma musiquinha indiana para dar uma animada! Preciso ver artes plásticas para me inspirar a escrever. Meus autores preferidos são Patrick Rothfuss, J.R.R. Tolkien, Brandon Sanderson, Jostein Gaarder e Khaled Hosseini (nessa ordem). Amo cantar e desenhar - mesmo fazendo ambas as coisas mal -, sou fissurada por cachorros e todos são "bebês fofinhos" para mim. Às vezes, eu acho o mundo lindo, outras vezes eu acho que a colisão de um meteóro com a Terra seria a salvação. Saiba mais sobre mim na página "About"!

7 comentários

Write comentários
21 de fevereiro de 2016 11:14 delete

Sempre quis escrever um livro, só que sempre que eu começo nunca consigo terminar, as ideias não vem, e a história fica sempre igual, repetindo sempre os fatos, então eu acabo desistindo de continuar, acho que não tem dica que possa resolver isso, mas eu vou ler mais, quem sabe um dia eu consigo.

Reply
avatar
21 de fevereiro de 2016 14:05 delete

Olha só, sabe aquela parte do livro que não acontece nada realmente interessante, mas você tem que escrever porque apresenta os personagens, a trama, sei lá? Eu fiz um primeiro capítulo que era isso, só pra apresentar, e eu fiz UM MONTE de partes que era só diálogo. Depois disso eu li Cem anos de Solidão e a escrita de Gabriel Garcia Marquez é tipo, tudo de bom. No livro todo tem pouquíssimos diálogos com o travessão e etc, mas os personagens falam, eu achei incrível, e comecei até a escrever de modo diferente depois disso.
E enfim, desde Cem anos de Solidão eu sempre leio um livro e em alguma parte dele penso "nossa, isso é muito bom, posso fazer parecido no meu" seja uma expressão ou um gesto do personagem que eu não sabia como descrever. Tanto é que eu tô mudando muito ele, algumas partes, tipo, eu leio de novo e penso "era melhor por isso ou aquilo" e ai se foram horas só mudando palavras e essas coisas ASHUASHUAS.
Beijoos.

Reply
avatar
Andy
AUTHOR
21 de fevereiro de 2016 16:03 delete

Eu passava muito por isso! Como se a estória não continuasse, não conseguisse ter ideias de jeito nenhum e por mais que quisesse não dava pra ir adiante. A melhor forma de ter ideias é lendo mesmo, mas recomendo que você liste (a mão ou no computador ou celular, como preferir) coisas que você gostaria que acontecesse em seu livro, pois isso pode te dar uma luz sobre como prosseguir. Lógico que ler é importantíssimo no processo, mas listar também ajuda e isso te faz criar uma linha de raciocínio de como poderiam acontecer as coisas. Espero que isso te ajude e que consiga seguir em frente com suas estórias!

Reply
avatar
Tisa
AUTHOR
22 de fevereiro de 2016 07:50 delete

Escrever é realmente uma tarefa muito complicada, eu tenho extrema dificuldade em escrever estórias longas, pois não tenho paciência para contar aquelas partes que não são tão interessantes mas acabam sendo necessárias para o aprofundamento.
Sempre que vou ver, escrevi apenas um conto hahahaha

Reply
avatar
Sara
AUTHOR
22 de fevereiro de 2016 08:46 delete

Concordo com a Andy! Existem vários modos de você organizar melhor as suas ideias, talvez trataremos desse assunto em algum post da coluna, o que você acha?

Reply
avatar
Sara
AUTHOR
22 de fevereiro de 2016 08:48 delete

Exatamente! Ler faz toda a diferença na hora de escrever, né? UHASAHUASUAH eu tbm vejo muitas coisas em muitos livros que me ajudam a escrever melhor alguma cena, a desenvolver melhor um personagem, etc. HSHUASHU

Beijos!

Reply
avatar
Sara
AUTHOR
22 de fevereiro de 2016 08:50 delete

Entendo como é! UASHASHUHU infelizmente escrever algo com mais de 50 páginas exige um pouco mais de "enrolação" KKKK

Reply
avatar

"Comento, logo existo."