Resenha de Filmes #5 - Caminhos da Floresta

quinta-feira, janeiro 29, 2015

Em meio ao tédio das férias fui arranjar o que fazer: Ver filmes. Encontrei (legendado) o novo filme da Disney, que será lançado hoje nos cinemas. Se você está com muita vontade de ver esse filme, veja essa resenha primeiro e poupe seu dinheirinho. Vem comigo!

O filme é interligado aos famosos personagens de contos de fadas: Chapéuzinho Vermelho, Cinderela, Rapunzel e João (de O Pé de Feijão). 

Como não podia deixar de ser, "Caminhos da Floresta" é um musical e eles cantam o tempo todo. O que me fez não gostar do filme, porque eu detesto musicais e o único que eu realmente gosto é "Os Miseráveis", o resto nunca me agrada. Ainda mais quando os personagens tem a voz irritante.

A história se liga quando uma bruxa chega a uma padaria dizendo ao padeiro que seu pai lhe roubou no passado e que ele vai pagar se não trouxer tudo o que ela pede para fazer uma poção. O padeiro e sua mulher precisam encontrar tudo antes da meia noite do terceiro dia. Ela pede: Uma capa vermelha como sangue, uma cava como leite, um cabelo como milho e um sapato de ouro. E é aí, que tudo se interliga. Pois, cada um desses objetos pertence a um dos personagens envolvidos e é muito fácil de prever o que pertence a quem.



Sim. Johnny Depp está nesse filme e interpreta o Lobo Mau. Infelizmente sua aparição é muito curta, então não pense que ele vai ser importante (por mais que todos queiram que sim). Ele interpreta muito bem o Lobo e também cantou.

Eu, particularmente não gostei do filme. Eles cantam o tempo todo, alguns tem vozes irritantes. O final é trágico e praticamente todo o cenário é artificial. Você vê muito bem que aquela floresta não está ali e tal. Isso vem se tornando mais comum nos filmes da Disney, mas fazer o que... Vários personagens muito divos? Sim! Figurinos incríveis, mas a história não é tão legal quanto todos pensam que vai ser. Achei muito bom o que interliga eles, mas não... Não engoli. 

Além de quê, a Disney sempre diz que devemos sonhar e blábláblá. E nesse filme, deixam claro: Cuidado com o que você deseja, pois pode se tornar realidade. Não gostei, poderia ter sido muito melhor. A cantoria já faz parte da Disney, mas pra quê um final tão trágico? Ao contrário dos filmes da Disney atuais que até conseguem arrancar algumas lágriminhas, esse filme não provoca nenhum sentimento. Muito sem graça.



Informações do filme e avaliação final
 Título: Caminhos da Floresta (Into the Woods)
Ano de lançamento: 2014 (2015 no Brasil).
Duração: 2h04min
Gênero: Fantasia, Musical
Dinheiro investido: 50 milhões de dólares.


Sinopse:Não recomendado para menores de 12 anos.Uma bruxa (Meryl Streep) está decidida a dar uma lição em vários personagens famosos dos contos de fadas, como Chapeuzinho Vermelho, Cinderela e Rapunzel. Cabe a um padeiro e sua esposa a tarefa de enfrentá-la, de forma a colocar as histórias e seus personagens em ordem.

Você também poderá gostar de

7 comentários

  1. Eu assisti legendado também e achei uma MERDA! Nunca vi filme assim... POW ELES SÓ CANTAM! Eu fui toda animada assistir com meu namorado e a gente ficou tipo WHAT, que isso o3o

    Equalizando - [visite, baby]

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Viu? Se tivesse visitado meu blog antes... SHUASHUUSHUSH

      Excluir
  2. Oi, Sara! Tudo bem?

    Nossa, também não gosto de musicais não... São tão irritantes! Ainda bem que li essa resenha e vou poupar meu dinheirinho vendo algo que preste, hahah :P

    Eu quero muito assistir "Os Miseráveis", mas confesso que tenho um pé atrás por ser musical. =/

    Beijos,

    Juliana Garcez.

    Livros e Flores

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os Miseráveis é meio cansativo, por ser meio longo... Mas apenas o fato de atores maravilhosos estarem cantando (vulgo Anne Hathaway e Russell Crowe), você já fica encantada com o filme, eu pelo menos fiquei, haha. Espero que assista e que goste! <3

      Excluir
  3. Desculpa, mas essa foi a pior resenha que já li sobre Caminhos da Floresta.
    O filme é um musical, então é óbvio que eles cantam o tempo todo, e se você não gosta de musicais é óbvio que não vai gostar tanto desse filme assim.
    Primeiro: "A história se liga quando uma bruxa chega a uma padaria dizendo ao padeiro que seu pai lhe roubou no passado e que ele vai pagar se não trouxer tudo o que ela pede para fazer uma poção." caso o padeiro não encontre os objetos ele pagará a bruxa com o que? Parece que você não entendeu nem o básico do filme...
    Caso o padeiro e sua esposa não consiga encontrar os objetos eles não teriam seu desejo realizado.
    Esse filme é baseado em uma peça da Broadway, então o final já está incluso nessa peça, a Disney não poderia alterá-lo e mesmo assim retirou algumas partes para não ficar TÃO trágico assim. Mesmo sendo um filme Disney, ele não é destinado a crianças, a classificação é de 12 anos por não conter palavras de baixo calão, violência, sexo e blablablá, por esse motivo que a mensagem principal do filme é "cuidado com o que você deseja, pois pode se tornar realidade", pois quando nos tornamos adultos precisamos abrir mão de alguns desejos que tínhamos quando crianças ou percebemos que o que desejávamos não é realmente o que queríamos, e também, quando crescemos precisamos aceitar que até pessoas boas erram e podem nos magoar, e nem por isso deixarão de ser pessoas boas.
    Já vi muitas pessoas falando mal desse filme, e acredito que a maior parte das pessoas não entendeu realmente a mensagem que esse filme quis passar, então acredito que todos precisam assistir o filme para criar as próprias opiniões sobre ele, e não se basearem em resenhas como esta.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É uma pena que tenha sido a pior resenha que você viu, cada um tem sua opinião sobre o filme, ora essa! Ninguém é obrigado a gostar porque você acha que é uma superprodução que expressa a arte e a vida e criou uma intertextualidade com peças norte-americanas famosas. E mesmo tendo sido a pior resenha, o blog é meu e estou expondo a minha opinião. Vai de cada um querer assistir o filme e querer tirar suas próprias conclusões. Não entendi sua crítica nem esse seu amor pelo filme... Você deve gostar muito de Disney e musicais, mas não é problema meu e achei desnecessário o seu comentário porque não é uma crítica construtiva. Você está impondo sua opinião e que todos devem gostar do filme e interpretá-lo como você. O filme é cheio de símbolos que nos acompanham desde a nossa infância, mas você não sabe interpretar a semiótica nos símbolos para entender a interpretação que cada um em sobre esses personagens culturalmente... Se você já viu o filme, por que procura resenhas sobre ele? Estou extremamente encabulada pelo seu amor por essa produção que, na minha opinião, não chega aos pés nem de HighSchool Musical!
      Abraços.

      Excluir
  4. Sim, ninguém é obrigado a gostar porque eu gostei assim como ninguém é obrigado a não gostar porque você não gostou. Gosto de ler resenhas sobre filmes ou livros porque gosto de saber opiniões diversas sobre eles, pra saber se batem com as minhas ou não e até mesmo encará-los de outra forma.
    Não estou querendo que as pessoas tenham uma opinião como a minha sobre filme ou que o interpretem como eu, só quero ler críticas plausíveis sobre ele (ainda mais se forem críticas negativas) e que cada um tenha sua opinião após assistir o filme.
    O que me levou a comentar nesse seu post foi a frase: "Se você está com muita vontade de ver esse filme, veja essa resenha primeiro e poupe seu dinheirinho." O que pode induzir algumas pessoas a não assistirem o filme e não ter uma opinião própria sobre ele.

    ResponderExcluir

"Comento, logo existo."